Panamá continua a aumentar sua posição no segmento MICE

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/75383-panama-continua-a-aumentar-sua-posio-no-segmento-mice
Panamá continua a aumentar sua posição no segmento MICE
Source: ATP
13 de julho de 2022

O país da América Central sediou o Blockchain Summit LatAm 2022, evento que reunirá mais de 1.200 pessoas de 15 nacionalidades diferentes


O Panamá se posicionou no olhar internacional ao sediar durante três dias o Blockchain Summit LatAm 2022, um dos eventos latino-americanos com a participação de especialistas e seguidores do mercado de criptomoedas, bitcoin e casos de uso de blockchain. Mais de 1.200 pessoas de 15 nacionalidades diferentes, 130 expositores e 40 empresas e instituições participaram do evento, conseguindo uma injeção econômica de mais de US$ 600 mil dólares e gerando mais de 250 encontros de negócios entre empresas e participantes.

“Foi demonstrado o potencial do Panamá como mercado atrativo para investidores e entusiastas de criptomoedas, seja por seu robusto centro financeiro e sua grande conexão logística, seja por ser um país que nos últimos meses tem demonstrado grande interesse na adoção de novas tecnologias. e a intenção de uma regulamentação, acreditamos que em um futuro próximo o país possa ser um centro tecnológico onde empresas associadas a blockchain e criptoativos possam exportar seus serviços internacionalmente", disse Cristóbal Pereira, organizador do Blockchain Summit LatAm.

O evento contou com conferências e painéis de discussão sobre bitcoin e criptomoedas e a necessidade de os usuários tomarem decisões bem informadas, após pesquisar e se educar sobre o assunto para fazer o investimento certo e evitar fraudes.

Também foram divulgados casos de uso do sistema blockchain e como ele tem ajudado no crescimento industrial na região, como o caso da cadeia de distribuição no setor cafeeiro na Colômbia ou o monitoramento de entregas de matérias-primas na indústria vinícola na Argentina. como as criptomoedas oferecem novas oportunidades para as pessoas.

Como uma das principais conclusões do evento, destaca a necessidade de uma legislação que estabeleça regras claras para o ecossistema de criptomoedas, conforme indicado por Mónica Taher, diretora de assuntos tecnológicos e econômicos do governo de El Salvador; a senadora mexicana Indira Kempis e a deputada.

“Para o Panamá permanece um grande desafio, os membros do ecossistema local devem ser entidades ativas em educação e treinamento para desenvolver habilidades profissionais para gerar mão de obra qualificada, inovação e projetos de investimento, bem como a exportação de serviços baseados nessas tecnologias , causando um impacto positivo em nosso PIB e em nossa balança comercial”, concluiu Rodrigo Icaza, diretor executivo da Câmara de Comércio Digital e Blockchain do Panamá.

Durante o evento também ficou evidente que não existem mais barreiras ou limites geográficos para a arte digital, foi apresentada no evento a Expo NTF, uma exposição que reuniu uma amostra de trinta artistas digitais de onze países que apresentaram seus trabalhos ao participantes, destacando suas fontes de inspiração, encheram o evento de muita vibração, energia e cor.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...