Marriott não impede seu crescimento na América Latina e no Caribe

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
http://po.travel2latam.com/nota/50621-marriott-no-impede-seu-crescimento-na-america-latina-e-no-caribe
Marriott não impede seu crescimento na América Latina e no Caribe
Loise Bang, Marriott
Qua 25 de julho de 2018

Para conhecer em detalhes o status atual da cadeia de hotéis, entrevistamos exclusivamente Louise Bang, vice-presidente de vendas globais para o Caribe e a América Latina


A fusão do Marriott com a Starwood gerou uma verdadeira revolução no mercado de turismo em todo o mundo. Para entender melhor as novidades e os planos futuros da empresa, pudemos entrevistar Louise Bang, Vice-Presidente de Vendas Globais para o Caribe e a América Latina com exclusividade. Nós compartilhamos o mesmo abaixo.

Com a recente fusão, qual é a sua estratégia na nossa região?
A fusão foi um momento muito importante para a Marriott International no Caribe e na América Latina. Duplicamos o número de hotéis na região e adicionamos talentos excepcionais à equipe de vendas globais da Marriott para atender os nossos clientes B2B mais valiosos. Nossa estratégia na região é de crescimento contínuo e, a partir de uma perspectiva global de vendas, estamos focados em construir relacionamentos mais fortes e profundos com osnossos parceiros.

Como essas mudanças impactaram o mercado?
De uma forma muito positiva e temos trabalhado duro para garantir que este seja o caso, ouvindo as necessidades de nossos parceiros e incorporando suas sugestões em nossos planos. Criamos quatro novos escritórios na região, no Chile, Colômbia, Argentina e Peru. Aumentamos o tamanho das nossas equipes já existentes no Brasil e no México. Também quadruplicamos o tamanho de nossa equipe de especialistas em luxo. Agora temos membros especialistas em nossa equipe dedicada às nossas marcas de luxo, que cobrem os mercados do Brasil, Chile, Argentina, México, Peru. Também adicionamos um especialista na Colômbia recentemente.
Com a amplitude e o alcance das marcas Marriott em todo o mundo, nossos parceiros têm agora um único ponto de contato em a sua equipe global de vendas, responsável por ajudá-los com todas as suas necessidades utilizando as 30 marcas e mais de 6.500 hotéis em todo o mundo. Isso apoia a nossa visão de nos tornarmos a empresa de viagens preferida do mundo.
Também aprimoramos os eventos que oferecemos aos nossos clientes B2B em cada mercado, criando experiências atraentes e memoráveis ao se reunir com as nossas equipes para compartilhar seus conhecimentos e experiências globais.

Qual é o percentual atual de vendas diretas versus vendas comerciais?
Eu não tenho esses números à mão. No entanto, um panorama equilibrado sempre foi importante para o nosso sucesso, bem como a forte parceria que temos com todos os nossos clientes.

Qual é a sua estratégia MICE?
O setor MICE é uma parte fundamental do nosso negócio e sempre trabalharmos juntos nos hotéis da Marriott International. Com a nossa inovação em alimentos e bebidas, tecnologia e conceitos de reuniões, sabemos que temos a experiência, bem como os produtos e serviços para cada evento. O benefício da escala das nossas operações também nos permite compartilhar idéias criativas para configurações, experiências e inovações culinárias em todo o mundo. Isso cria um acesso inigualável a tendências globais que podemos compartilhar com nossos clientes.
 

O que podemos esperar do segmento hoteleiro, tanto por prazer quanto por MICE, nos próximos cinco anos na região?
Como o crescimento das viagens de lazer continua a ultrapassar outros segmentos do negócio, especialmente no segmento de luxo, vemos uma grande ênfase no âmbito de experiências. Com o recente investimento da Marriott na plataforma Place Pass e a unificação dos programas de fidelidade e Marriott Moments, estamos em uma posição única para satisfazer esse apetite por experiências. Nós oferecemos experiências únicas e autênticas, desde aulas de confeitaria gourmet em Paris a uma viagem de helicóptero em uma geleira ou trenós puxados por cães em Juneau, Alasca.
Quanto ao MICE, esta é uma parte importante do nosso negócio e planejamos investir mais nas experiências de grupos em cada um dos nossos hotéis. A nossa escala nos beneficia muito, pois podemos comparar as tendências de reuniões, incentivos, conferências e eventos em uma escala global e trazê-los para uma experiência local. A necessidade de reuniões face a face, de conselhos administrativos, conferências, eventos comerciais, pequenas reuniões de diretoria, viagens de incentivo, e eventos regionais para lançar novos produtos e serviços continuarão crescendo à medida que as economias mundiais expandirem e que empresas fortalecerem o seu desempenho. O nosso objetivo é garantir que a Marriott International seja o local preferido para todos os eventos, seja ele qual for.

Como a tecnologia contribui para a equipe GSO, além de facilitar os negócios?
A tecnologia é fundamental para tudo o que fazemos. Basta observar os nossos hábitos pessoais, sem falar nas ferramentas que utilizamos para trabalhar, para conhecer bem o grande papel desempenhado pela tecnologia em nossas vidas. Também vemos mudanças no cenário tecnológico que afetam a indústria de viagens em geral. Tais mudanças nos mantêm alertas.
A nossa equipe desenvolve relacionamentos. A tecnologia nos permite estar perto dos nossos clientes, antecipar suas necessidades, facilitar a comunicação com eles e compartilhar idéias e aprendizados sobre como devemos nos adaptar a um cenário em constante mudança, tanto sobre viagens e quanto a revolução dos canais de distribuição. Também permite que a nossa equipe se mantenha a par de todos os novos hotéis, destinos e inovações que acontecem dentro da Marriott International e das experiências que estamos oferecendo aos nossos clientes no mundo todo. Através da tecnologia, os nossos associados de vendas globais se tornam os nossos parceiros mais valiosos.

Haverá novas aberturas na América Latina com marcas inovadoras?
Atualmente, temos 250 hotéis de 19 marcas na região e esperamos abrir as demais marcas da Marriott International na América Latina.

Alguma informação adicional para o nosso público de agentes de viagens sobre os atuais desafios do setor?
A velocidade com a qual a indústria de viagens muda é incrível e intimidante ao mesmo tempo. Isso significa que todos nós devemos continuar investindo, inovando e atentos às necessidades dos nossos clientes.
No nosso evento organizado recentemente no Panamá, The Exchange, Caribe e América Latina, compartilhamos idéias e conhecimento sobre assuntos relevantes, como tendências das futuras tribos de viajantes, diferenciação de marca, o papel dos programas de fidelidade, redes sociais e o poder da marca pessoal. Todas essas questões foram levantadas em conversas com os nossos clientes durante os 12 meses anteriores à conferência.
À medida que ouvimos comentários sobre as ideias compartilhadas durante o evento, os nossos principais clientes destacaram o valor de parcerias mais fortes, amizades mais próximas e novas experiências. Eles também reiteraram o crescimento e a necessidade de investir para continuar sendo bem-sucedidos.
Isso nos mostrou claramente o caminho a seguir, alinhando-se à nossa estratégia na região.

 

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento