O setor hoteleiro no Brasil comemora a recuperação do emprego

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/76723-o-setor-hoteleiro-no-brasil-comemora-a-recuperao-do-emprego
O setor hoteleiro no Brasil comemora a recuperação do emprego
Source: Augusto Miranda/MTur
21 de setembro de 2022

Demanda supera patamares de 2019, o que desperta otimismo entre empresários


A retomada do turismo internacional no Brasil se consolidou em 2022, como comprovam os números de estrangeiros, despesas e malha aérea internacional.

Outro segmento que tem sentido essa recuperação é o setor hoteleiro. A ocupação de vagas de hospedagem cresce a cada mês, superando as taxas até 2019, o que desperta otimismo entre os empresários do setor, principalmente com a chegada do verão.

No Nordeste, por exemplo, quatro dos cinco leitos para turistas da rede hoteleira São Luís foram ocupados em julho deste ano: a maior ocupação registrada desde o início da série histórica, iniciada há vinte anos.

Goiânia e Vitória são outros exemplos. Em 2021, as duas capitais foram as cidades que mais se aproximaram das tarifas de receita por quarto disponível (RevPar) de 2019, com 92%. O RevPar é um dos principais indicadores de desempenho do mercado hoteleiro que mede a eficiência do estabelecimento.

O número de novos hotéis em construção no Brasil também mostra um horizonte promissor para o setor. De acordo com a 16ª edição do estudo “Panorama da Hotelaria Brasileira 2022”, realizado pela HotelInvest em parceria com o Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB), 124 hotéis estão em construção em 93 cidades brasileiras, ultrapassando a marca de 18.000 novos uns. quartos de dormir. Desse total, 38% dos hotéis estão em construção avançada e 62% em início de desenvolvimento: serão investidos R$ 5,3 bilhões até 2026.

“São dados que confirmam o momento positivo do turismo nacional, gerando emprego e renda para quem trabalha e vive do turismo. Por isso, as ações de divulgação internacional da Embratur, intensificadas no segundo semestre, são fundamentais para que alcancemos resultados ainda melhores no futuro”, afirma o presidente da Embratur, Silvio Nascimento.

O proprietário do Grupo Villa Hotéis em Pirenópolis (GO), Geovani Ribeiro, conta que percebeu o aumento da procura por hospedagem no final de 2021. “Vemos claramente uma recuperação do turismo, com um investimento muito grande no setor hoteleiro , restaurantes, pubs. Em geral, todos estão investindo na estrutura para receber os turistas porque perceberam que os empreendimentos que só tinham ocupação aos finais de semana passaram a ter ocupação regular”.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira de Goiás (ABIH-GO), Fernando Carlos Pereira, lembra que o mercado estava aquecido em 2020, mas as restrições impostas pela pandemia tiveram impacto direto no setor. Segundo ele, as medidas de emergência foram essenciais para a rápida recuperação que se faz sentir em 2022.

“A ABIH Nacional funciona muito bem em nível brasileiro, mesmo em círculos políticos, como o Senado e a Câmara Federal. No período da pandemia, a instituição teve uma atuação exemplar, que atingiu a ABIH estadual. Cada um com sua experiência defendeu o segmento hoteleiro em suas respectivas regiões”, destaca Fernando Carlos Pereira.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...