Setor hoteleiro na Colômbia já sente o impacto do Covid-19

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
http://po.travel2latam.com/nota/59318-setor-hoteleiro-na-colmbia-ja-sente-o-impacto-do-covid-19
Setor hoteleiro na Colômbia já sente o impacto do Covid-19
Sex 13 de março de 2020

Com base nos números que a Cotelco consolida, no período de 8 a 12 de março de 2020, a ocupação de hotéis contratou 2,3 ​​pontos percentuais


O Covid-19, também conhecido como Coronavírus, começou a gerar dificuldades econômicas para diferentes setores da economia, em particular o setor de turismo e hotelaria.
 
Com base nos números que a Cotelco consolida, no período entre 8 e 12 de março de 2020, a ocupação nacional de hotéis contraiu 2,3 ​​pontos percentuais, o que se traduz em uma queda na receita de quase 45 bilhões de pesos .
 
O impacto do setor é produzido principalmente pelos cancelamentos de reservas, em grande parte dos turistas internacionais. Do total de cancelamentos realizados, 63% correspondem a turistas dos Estados Unidos, Espanha, México, Itália, França, Argentina, Brasil, Canadá e Chile.
 
Para Gustavo Adolfo Toro, presidente executivo da Cotelco, “os hoteleiros estão implementando as diferentes medidas recomendadas pelo governo nacional e estamos nos preparando para enfrentar esse fato. No entanto, é urgente que sejam tomadas medidas para combater os impactos negativos que estamos enfrentando. Portanto, apoiamos o governo nas primeiras medidas econômicas adotadas, com o objetivo de aliviar o fluxo de caixa e gerar liquidez nos hotéis. ”
 
Destaco também que "esse momento difícil é uma oportunidade de reavaliar o turismo doméstico, pois esse segmento tem sido o motor do crescimento nos últimos anos, mas não recebeu atenção suficiente. Temos alguns destinos maravilhosos, de classe mundial, que podemos aproveite a oportunidade para visitar, desde que o façamos com responsabilidade, levando em conta as medidas e recomendações dadas pelo governo nacional e pelas autoridades regionais ".
 
Em termos de eventos, mais de 250 foram cancelados, incluindo eventos internacionais, totalizando perdas próximas a 5.000 milhões de pesos.
 
No nível regional, os maiores danos ocorreram nas cidades de Cartagena, Bogotá, Barraquilla, Cali, Medellín, Pereira, Villavicencio, Neiva e nos departamentos de Valle del Cauca, Antioquia, Antioquia, Risaralda, Huila, Quindío, Meta e Quindío.
 
Nesse cenário, a Cotelco revisou em baixa a previsão de crescimento do setor para 2020, que vinha aumentando consideravelmente no último ano e nos meses de janeiro e fevereiro havia mostrado um aumento significativo. Assim, o setor hoteleiro, que faz uso intensivo de mão-de-obra, prevê um grande impacto na criação de empregos se a tendência de queda nas reservas e eventos continuar.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...