Uruguai lança temporada de observação de baleias

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/76293-uruguai-lana-temporada-de-observao-de-baleias
Uruguai lança temporada de observação de baleias
Source: MINTUR
31 de agosto de 2022

O país continua a redobrar esforços para o desenvolvimento do turismo de observação de baleias responsável, bem como tudo o que tem a ver com o turismo oceânico


As costas do Oceano Atlântico Sul fazem parte da rota migratória da Baleia Franca Austral. Durante o verão se alimentam de toneladas de krill em áreas próximas à Antártica (as Malvinas e as Ilhas Geórgia do Sul) e então iniciam sua migração para Península Valdés (Argentina), Maldonado e Rocha (Uruguai) em busca de águas mornas e calmas até chegar a Imbituba , Ferrugem (Santa Catalina, Brasil).

Entre julho e outubro de cada ano você pode testemunhar um milagre da natureza: a Baleia Franca Austral, que nos visita nas costas de Maldonado e Rocha. Descobri esta rota de avistamento com mais de 55 milhões de anos de evolução e a sigo com responsabilidade!

O Ministro do Turismo, Tabaré Viera, comemorou esta atividade que vem sendo promovida há 20 anos pelo Ministério. Lembrou a importância de cuidar e respeitar a vida marinha em toda a sua extensão e, neste sentido, a organização trabalha em conjunto com todas as instituições que têm influência nestas questões.

Esses belos animais que hoje estão chegando às costas de Rocha e Maldonado, que a natureza nos dá e conscientemente nos obriga a conservar, nos oferece e nos permite continuar trabalhando. O ministério apoia este investimento, que foram construídos dois observatórios e está previsto continuar a construir ao longo da costa", comentou Viera, por sua vez, sobre a época baleeira de 2022. "Estes cetáceos são uma grande riqueza natural a ser preservada em primeiro lugar prazo e um recurso do ponto de vista turístico", valorizou.

Podendo observar seu ciclo de corte e reprodução, de forma respeitosa e a uma distância segura de 300 metros, aprecie seu característico golpe em “V” das baleias francas, já que chegam à costa uruguaia para socializar, acasalar e às vezes , dar à luz e amamentar seus bezerros é um tesouro que é guardado para sempre. Com a companhia de guias locais especializados e seguindo as normas vigentes de proteção dos mamíferos marinhos (Lei nº 19.128 e decretos nº 261/002 e nº 238/998) você pode apreciar cada detalhe: as aves que voam sobre os cetáceos , para em alguma distração, pescar alguns peixes ou piolhos do mar, entre outros alimentos.

Existem hoje 90 espécies de cetáceos, incluindo baleias (cetáceos de barbatanas) e golfinhos (cetáceos dentados). Os cetáceos evoluíram de animais terrestres, carnívoros ancestrais, que se adaptaram à vida marinha há cerca de 55 milhões de anos.

A longevidade da baleia franca ainda é desconhecida, mas presume-se que possa ser entre 50 e 70 anos.

O Uruguai, ao contrário de outros países, reúne as condições naturais para avistá-los do litoral. Os melhores lugares para vê-los são: Playa Hermosa, Cerro San Antonio, Punta Colorada, Punta Negra, Punta del Chileno, Playa Mansa em Punta del Este entre as paradas 23 e 40, o farol José Ignacio, La Paloma, La Pedrera, Santa Teresa , Cerro Verde e Cabo Polônio.

Participaram da atividade o Presidente Luis Lacalle Pou, assim como o Prefeito de Rocha, Alejo Umpierrez, o Diretor de Turismo de Rocha, Federico Zerbino, o Diretor Geral Interino de Turismo do Município de Maldonado, Melina Bentancur, o Diretor Geral do Secretário do Ministério do Turismo, Ignacio Curbelo, o Diretor de Recursos Aquáticos do MGAP, Jaime Coronel e o Prefeito de La Paloma, Sergio Muñiz.

Além disso, um grupo de alunos da Escola 56 de La Paloma, mostrou o trabalho que vem realizando junto com o fotógrafo Leandro Borba em relação à conservação e cuidado da Baleia Franca Austral.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...