Omnibees promove novas soluções na WTM Latin America

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/73742-omnibees-promove-novas-solues-na-wtm-latin-america
Omnibees promove novas soluções na WTM Latin America
Luis Ferrinho, Omnibees
Source: Travel2latan
11 de abril de 2022

A empresa de tecnologia teve uma participação destacada na feira que aconteceu em São Paulo


A Omnibees é uma das empresas de tecnologia para o mercado de turismo com maior evolução nos últimos anos, para conhecer seu status atual, durante a WTM Latin America entrevistamos seu CEO Luis Ferrinho. Compartilhamos suas respostas abaixo:

Qual era sua expectativa para a WTM Latin America?
A primeira coisa que gostaria de destacar é que foi o primeiro evento internacional que o Brasil teve após a pandemia e por isso sabíamos que um grande número de profissionais do turismo iria participar. Montamos um grande estande e participamos com muitas pessoas da nossa equipe. Além do encontro com clientes e parceiros de negócios, apresentamos novas soluções.

Quais são as prioridades para você no momento?
Embora sejamos muito grandes no Brasil, o país onde mais crescemos é o México, também estamos entrando na Colômbia e no Caribe com muita força.

Qual é a estrutura que eles têm nas Américas?
Contamos com uma equipe de 400 pessoas e acompanhando a recuperação do mercado hoteleiro estimamos crescer para 500 até o final de 2022.

Qual é o tipo de cliente que você procura hoje?
Temos clientes de diversos perfis, desde grandes redes internacionais até pequenos hotéis familiares, esse é um dos grandes diferenciais da nossa empresa. Temos tecnologia que se adapta a cada tipo de imóvel.

Em um mercado tão competitivo, o que diferencia a Omnibees?
Quando começamos a desenvolver nosso produto em 2007, começamos com a América Latina em mente, e não temos um concorrente no mercado hoje porque todos pensam nos Estados Unidos ou na Europa como mercados maiores. Na época contratamos uma empresa na França que fez um estudo de onde haveria maior oportunidade e um dos países era o Brasil. Então decidimos focar não só aqui, mas também no mercado latino-americano e é por isso que continuamos crescendo.

Você poderia compartilhar sua visão do que aconteceu na pandemia?
Conseguimos nos reinventar, foram anos em que não crescemos no ritmo que pretendíamos, mas desenvolvemos novas soluções, firmamos acordos importantes e também criamos um banco de pagamentos. Tem sido um período produtivo de outras maneiras.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...