SECTUR busca recuperar segmento de MICE no México

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/67187-sectur-busca-recuperar-segmento-de-mice-no-mexico
SECTUR busca recuperar segmento de MICE no México
Sex 23 de abril de 2021

O Secretário de Turismo Miguel Torruco Marqués, participou na inauguração do XXVII Congresso Nacional da Indústria de Reuniões (CNIR 2021) que teve lugar no porto de Acapulco, Guerrero


Com a presença do governador do estado de Guerrero, Héctor Astudillo Flores, o titular do Ministério do Turismo (Sectur) destacou que os atores do Turismo de Reuniões se declaram prontos para reativar as operações, adequando-se aos protocolos sanitários exigidos pelo novo normalidade, cujo objetivo é criar um ambiente seguro e confiável para os participantes de congressos, convenções, feiras, exposições e viagens de incentivo.

Ele destacou que o Conselho Mexicano da Indústria de Reuniões (Comir) elaborou um documento base, que estabelece as diretrizes sanitárias que devem ser atendidas para a realização de congressos e convenções. “A partir deste primeiro documento, que tem como objetivo harmonizar conhecimentos, experiências e esforços para que este nicho de mercado recupere seu protagonismo no setor turístico do México, o Ministério do Turismo instalou uma mesa de trabalho com a participação do Comir e o IMSS, focado na reativação gradual do turismo-saúde na indústria de eventos”.

Ele também lembrou que antes da pandemia, este setor representava um derramamento econômico da ordem de 35 bilhões de dólares, o que equivale a aproximadamente 1,8 por cento do Produto Interno Bruto nacional; e trinta milhões de pernoites por ano, 18,8 por cento das pernoites ocupadas no país.

O secretário Torruco Marqués explicou que os turistas desse segmento costumam viajar com um orçamento maior e gastam 53% a mais que os turistas de lazer. “Outro fato interessante é que dos alimentos e bebidas que os turistas consomem no México, um quarto corresponde aos que participam das reuniões”, disse.

Outra tarefa que o turista de encontro cumpre é regular a sazonalidade da demanda turística, garantindo a ocupação hoteleira na baixa temporada e elevando o gasto médio dos visitantes.

Por outro lado, destacou que com o processo de vacinação e a recuperação que estão vivenciando os principais parceiros comerciais do México, o fluxo turístico na região vai retomar os níveis que estavam presentes antes da crise sanitária e destacou que este 2021, em In a. cenário conservador, estima-se a chegada de trinta milhões de turistas internacionais; um derramamento econômico de 13 mil 750 milhões de dólares; e uma ocupação média anual de 51 por cento.

Da mesma forma, destacou que o Banco do México prevê um crescimento de 3,67 por cento da economia nacional para 2021, pelo que se espera que o PIB do turismo participe com 7,6 por cento, depois de 2020, devido à pandemia, diminuirá para 6,7 por cento do PIB nacional, de acordo com estimativas do Ministério do Turismo.

Informou que, neste contexto, o Ministério do Turismo prevê que o PIB do turismo quase alcance os níveis registados em 2019, ou seja, 8,6 por cento.

Diante dos profissionais da indústria do Turismo de Reuniões, Miguel Torruco expressou: “na Secretaria do Turismo confiamos que haverá uma recuperação gradual do setor, porque sabemos que temos um patrimônio natural e cultural único no mundo; ampla e sólida infraestrutura turística; e uma qualidade de serviço reconhecida internacionalmente ”.

Finalmente, o chefe da Sectur federal levou o protesto ao novo Conselho de Administração do Comir, que era chefiado por Seyed Rezvani, presidente da Riviera Diamante Acapulco; Susana Palazuelos, como Primeira Embaixadora; e José Aguirre, David Ramírez, Ricardo Suárez e José Ángel González como vice-presidentes.

O evento contou ainda com a presença de Jaime Salazar Figueroa, presidente cessante da Comir; Celia Navarrete González, presidente da Associação Mexicana de Profissionais de Feiras, Exposições e Convenções (Amprofec); Francisco Cachafeiro de la Loza, presidente da Meeting Professionals International (MPI); e Ernesto Rodríguez Escalona, ​​Secretário de Turismo de Guerrero.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...