Buenos Aires aprovou o protocolo para congressos e convenções presenciais

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/66055-buenos-aires-aprovou-o-protocolo-para-congressos-e-convenes-presenciais
Buenos Aires aprovou o protocolo para congressos e convenções presenciais
Ter 02 de março de 2021

Depois de trabalhar em conjunto com a iniciativa privada e com uma série de medidas de prevenção e atendimento ao cidadão, a partir deste mês serão autorizados eventos com capacidade para 30% da capacidade do local


O governo de Buenos Aires aprovou hoje o protocolo de prevenção e gestão de casos COVID-19 para o retorno gradativo de reuniões associativas, corporativas e exposições presenciais, previsto para março. A medida faz parte do amplo plano de reativação turística que a Prefeitura vem desenvolvendo em conjunto com a iniciativa privada e será aplicada em centros de convenções, exposições, feiras e salas ou espaços para eventos em hotéis, entre outros.
 
“Antes da pandemia, Buenos Aires era considerada a melhor cidade da América Latina para o turismo de negócios e uma das melhores do mundo. Esta é uma medida fundamental e fruto de um trabalho conjunto com o setor para recuperar o turismo de reunião na Cidade ”, afirmou Fernando Straface, Secretário-Geral e Relações Internacionais da Cidade.
 
Os protocolos incluem uma série de medidas de prevenção e cuidado à população, trazendo recomendações e sugestões para permitir um adequado manejo epidemiológico frente à detecção de um caso suspeito confirmado e seus contatos próximos.
 
Vale ressaltar que o coeficiente de ocupação da capacidade será de no máximo 30% em relação à capacidade máxima habilitada, desde que o estabelecimento tenha renovações de 40 m3 / h por pessoa, sem recirculação. O limite será de 1000 pessoas neste caso.
 
Quando a capacidade máxima autorizada do estabelecimento for superior a 4.500 pessoas, a capacidade será de 20% dessa capacidade. Nesse caso, o limite será de 2.500 pessoas.
 
Em todos os casos, renovações de 40 m3 / h por pessoa devem ser garantidas por meio de injeção e extração de ar forçado e será permitida a complementação de reformas faltantes com recirculação de ar por meio de sistema de filtragem portátil tipo HEPA.
 
As reuniões de socialização e troca não podem ser geradas antes, durante ou após a reunião e, no caso de haver mais de uma reunião por dia, a entrada e saída dos participantes entre as reuniões deve ser realizada com um tempo razoável de alternância, que pode não deve ser inferior a 45 minutos.
 
“Este é um primeiro passo que vai permitir a recuperação do turismo de reuniões. Buenos Aires é uma cidade global, sede de grandes eventos e líder na América Latina segundo o ranking ICCA. Por isso, continuaremos trabalhando para consolidar nossa proposta, que inclui uma diversidade cultural de primeira linha, infraestrutura para eventos, talento local para organizá-los e uma comunidade científica para desfrutá-los ”, disse Gonzalo Robredo, presidente do Turismo de Buenos Aires Borda.
 
De acordo com o ranking anual elaborado pela International Congress and Convention Association (ICCA), a cidade é o melhor destino da América para o turismo de reunião, ocupando a 11ª posição mundial. Em 2019, foram realizados 127 congressos e convenções: 450.000 pessoas visitaram a cidade a negócios em 2019, o que deixou um gasto total de US $ 500 milhões, segundo informações da Autoridade de Turismo de Buenos Aires.
 
Além disso, no seu plano gradual de lançamento do turismo de forma segura e responsável, o Governo da Cidade de Buenos Aires aprovou também os protocolos de hotelaria e para-hotelaria para fins turísticos, visitas guiadas ao ar livre, transporte turístico, eventos por streaming, lojas de varejo, onde agências de viagens estão habilitadas.
 
Em relação à oferta turística, o Conselho de Turismo de Buenos Aires confirmou que a cidade conta com 10 circuitos turísticos ao ar livre bem cuidados, a pé ou de bicicleta, em todos os bairros. Além disso, já estão habilitados museus, espetáculos ao ar livre, Eco Parque, Reserva Ecológica Costanera Sur, feiras e pátios gastronômicos, entre outros.
 
Protocolo para a prevenção e gestão de casos Covid-19 em reuniões e exposições associativas e corporativas. Entre seus principais pontos, destacam-se as seguintes recomendações:
 
A distância física entre as pessoas de 2 metros deve ser mantida em todos os momentos.
  • Os encontros de socialização e troca não podem ser gerados antes, durante ou depois da reunião. Em caso de pausa, você deve deixar o espaço fechado e entrar novamente quando a reunião continuar.
  • No caso de realização de mais de uma reunião por dia, a entrada e saída dos participantes entre as reuniões deve ser efetuada com uma alternância razoável, que não pode ser inferior a 45 minutos.
  • O horário de funcionamento dos espaços tentará evitar o horário de pico. Serão promovidos horários de entrada e saída escalonados para evitar aglomeração de pessoas.
  • Antes de entrar no estabelecimento, o atendente deve tirar a temperatura. Caso esteja cadastrando 37,5 ° C ou mais, você não poderá entrar, e o protocolo para casos suspeitos será ativado.
  • Não será permitido o consumo de alimentos durante o encontro.
visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...