Viva Aerobus apresenta sua cultura ambiental "O futuro é verde"

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/63630-viva-aerobus-apresenta-sua-cultura-ambiental-o-futuro-e-verde
Viva Aerobus apresenta sua cultura ambiental "O futuro é verde"
Qui 29 de outubro de 2020

Trata-se de uma série de ações e compromissos que fazem da Viva a companhia aérea mais verde do México, incluindo também as metas estabelecidas nesta área


A Viva Aerobus, companhia aérea de ultrabaixo custo do México, junta-se à Semana Nacional da Conservação e à comemoração da aprovação da Carta Mundial da Natureza, assinada hoje há 38 anos pelas Nações Unidas, com o apresentação da sua cultura ambiental 'The Future is Green'. Trata-se de uma série de ações e compromissos que fazem da Viva a companhia aérea mais verde do México, incluindo também os objetivos traçados nesta área.

“Estamos entusiasmados em apresentar O Futuro é Verde no âmbito da Semana Nacional da Conservação, poucos dias antes do Dia da Ecologia e na data em que a Carta Mundial da Natureza foi aprovada. Colocamos a sustentabilidade no centro da estratégia operacional da Viva Aerobus. Nosso compromisso é ambicioso: nos fortalecer como a companhia aérea mais verde do México. Promoveremos qualquer prática que otimize nossas operações em benefício do meio ambiente e inspire nossos passageiros e colaboradores a fazer a diferença ”, comentou Juan Carlos Zuazua, Diretor Geral da Viva Aerobus.

Com essa iniciativa, a Viva Aerobus se torna a primeira companhia aérea do México a separar os resíduos durante seus voos para reciclá-los. Esse esforço começou em agosto na base operacional de Monterrey e a Cidade do México e Guadalajara se juntaram em setembro; e em novembro, Cancún será incorporado. Os produtos a serem reciclados são sacos de batatas, pães, biscoitos e salgadinhos (embalagens de LDPE e BOPP), latas de alumínio e garrafas plásticas. Esses produtos serão reaproveitados para a fabricação de novas embalagens, tecidos, tiras, folhas, sacos de lixo, madeiras plásticas e peças para a indústria automotiva, entre outros.

Para realizar esta tarefa, a companhia aérea trabalhará em equipe com a ECOCE, uma associação civil ambiental que tem como objetivo administrar adequadamente embalagens e resíduos de embalagens no México com 18 anos de experiência.

Atualmente, a Viva Aerobus é a companhia aérea com o menor número de emissões de CO2 por passageiro no México, graças a uma operação eficiente que se distingue por altos fatores de ocupação. Soma-se a isso a tecnologia de vanguarda de suas aeronaves, já que possui a frota mais jovem do México (média de 3,6 anos), com motores altamente eficientes em termos de combustível e grande capacidade.

“É um orgulho ser a companhia aérea com o menor número de emissões de CO2 por passageiro no México. Continuaremos inovando, apostando na tecnologia de última geração em aeronaves e redobrando nossos esforços para atender nossos passageiros de forma 100% sustentável ”, acrescentou Juan Carlos Zuazua.

Consequentemente, no âmbito deste compromisso renovado, a companhia aérea pretende reduzir as suas emissões de CO2 por assento por quilómetro e CO2 por passageiro por quilómetro em mais de 15% até 2025. Para tal, em linha com uma operação altamente eficiente, a Viva tem criou um comitê multidisciplinar de Eficiência de Combustível e reforçou boas práticas como o uso de usinas terrestres, redução de peso a bordo, priorizando uma operação digital ("paperless"), otimizando rotas aéreas para reduzir a distância percorrida em voo e realizando uma alocação assertiva de aeronaves para cada rota dependendo de seu desempenho. Além disso, em breve começará com a aquisição de uma carteira de créditos de carbono de acordo com o Esquema Internacional de Redução e Eliminação de Carbono para Aviação (CORSIA) em benefício da qualidade do ar.

O lançamento do El Futuro es Verde coincide com a recente chegada de sua terceira aeronave Airbus A321neo em 24 de outubro. Graças à capacidade de seus motores, avanços aerodinâmicos e inovações na cabine, este modelo de aeronave oferece uma redução no consumo de combustível por assento de 20%, favorecendo uma operação altamente ecoeficiente. O Airbus A321 também reduz as emissões de óxido de nitrogênio em 50%, o consumo de combustível em 15% e reduz a pegada acústica. Além disso, os A321 da Viva são as primeiras aeronaves desse modelo configuradas para 240 passageiros, capacidade que contribui para manter uma baixa pegada de carbono por passageiro.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...