Ecuador realiza treinamento sobre o selo Safe Travels

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/63246-ecuador-realiza-treinamento-sobre-o-selo-safe-travels
Ecuador realiza treinamento sobre o selo Safe Travels
Sex 09 de outubro de 2020

O Ministério do Turismo realizou ontem junto à Associação de Municípios Ecuatorianos um dia de seminários virtuais

 


Representantes de diversos conselhos do país participaram do encontro. Ali, o vice-ministro do Turismo, Ricardo Zambrano, sublinhou que a obtenção de Viagens Seguras constitui um contributo para a reativação do turismo, uma vez que gera confiança nos turistas. Precisamente, o World Travel and Tourism Council (WTTC, por sua sigla em inglês) concede este selo a destinos que implementaram boas práticas de biossegurança para viajantes. O Equador o recebeu em agosto passado e com ele o Mintur se tornou a autoridade reconhecida para conceder este reconhecimento às diferentes cidades e estabelecimentos.

Neste contexto, Mireille Vásconez, em representação do AME, agradeceu aos municípios o apoio que estão a receber do Ministério do Turismo. Além disso, comprometeu os esforços do sindicato para fortalecer a prestação de serviços turísticos, com capacitação e aplicação de boas práticas sanitárias.

Por sua vez, Patricio Cargua, Subsecretário de Regulação e Controle do Mintur, referiu-se às etapas e procedimentos que devem ser seguidos para a obtenção do Selo Viagem Segura, que, frisou, é totalmente gratuito.

Para o efeito, o Ministério do Turismo publicou as condições e requisitos que as autarquias e estabelecimentos que pretendem candidatar-se devem cumprir. Além disso, o e-mail safetravels@turismo.gob.ec foi habilitado.

Como parte do processo, os municípios devem preencher o requerimento, enviar os documentos necessários e endossos que dão conta dos protocolos de biossegurança que estão sendo implementados nos diferentes destinos; bem como, dos controles que se fazem aos estabelecimentos turísticos e da capacitação que realizam os diferentes atores do setor.

Esta mesma documentação é a que os estabelecimentos turísticos devem entregar e, adicionalmente, devem possuir o registro de funcionamento. Da mesma forma, sua formação deve ser homologada por entidades públicas.

No final da formação, o Subsecretário Cargua destacou que o Safe Travels –qual é o primeiro selo global de segurança e higiene para viagens e turismo– é fundamental para gerar confiança no viajante que procura destinos biosseguros, no âmbito do novo normal.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...