Cerca de 235 mil turistas chegarão ao CDMX durante o Grande Prêmio de F1

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://po.travel2latam.com/nota/56911-cerca-de-235-mil-turistas-chegaro-ao-cdmx-durante-o-grande-prmio-de-f1
Cerca de 235 mil turistas chegarão ao CDMX durante o Grande Prêmio de F1
Qua 23 de outubro de 2019

O Ministério do Turismo do Governo do México, liderado por Miguel Torruco Marqués, estima que vinte por cento desses visitantes serão estrangeiros


Durante os dias do Grande Prêmio de Fórmula 1 do México, 235 mil turistas permanecerão em um hotel na capital do país, dos quais 47 mil, equivalentes a vinte por cento, virão do exterior.

De acordo com as expectativas do Ministério do Turismo do Governo do México, liderado por Miguel Torruco Marqués, durante a competição automobilística a ocupação média da fábrica de hotéis na Cidade do México será de 81,1%, com 124 mil quartos contratados pelos visitantes, além da ocupação em acomodações particulares será de 78%.

Portanto, apenas para o conceito de hospedagem em hotéis estabelecidos, o derramamento econômico será de 239 milhões de pesos, além de outros 27 milhões de derramamentos adicionais em acomodações particulares, para adicionar 266 milhões de pesos.

Por sua vez, a empresa organizadora do Grande Prêmio de F1 estima que a participação no evento será de 335 mil espectadores, em média.

Suas projeções estimam que o impacto econômico total da corrida chegará a 15 mil e 74 milhões de pesos, divididos da seguinte forma: 8 mil e 694 milhões de pesos para várias despesas do evento e 6 mil e 380 milhões para cobertura da mídia.

Treze bilhões de impressões e 910 mil menções em plataformas digitais estão incluídas nesta promoção através da mídia; e a transmissão para 200 países, com 2.400 horas de cobertura em todo o mundo.

No total, a empresa espera a criação de oito mil 700 postos de trabalho, em média, graças a este Grand Prix de 2019, no qual participarão vinte equipes, entre elas: Ferrari, McLaren, Mercedes, Force India e Red Bull, com a participação de quarenta pilotos, dos quais um é mexicano, Sergio Pérez, que faz parte da equipe Force India. De 1981 a 2015, nenhum nacional havia participado dessa competição.

A organização do Grande Prêmio de Fórmula 1 na Cidade do México foi reconhecida consecutivamente nos últimos quatro anos como "Melhor Evento do Ano", enquanto o dia 9 de outubro passado, em Londres, Inglaterra, foi premiado pelo "Leaders Sports Awards "Como" A melhor experiência esportiva ao vivo do mundo. "

Esses prêmios ganham maior relevância se considerarmos que a Fórmula 1 retornou à Cidade do México em 2015, após 23 anos de ausência em nosso país. Esta será a quinta competição desde então e continuará, já que este ano o governo da capital assinou um acordo para continuar fazendo isso por mais três edições, ou seja, até 2022.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...