Ocupação de hotéis na Colômbia continua a aumentar

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
http://po.travel2latam.com/nota/56516-ocupao-de-hoteis-na-colmbia-continua-a-aumentar
Ocupação de hotéis na Colômbia continua a aumentar
Seg 30 de setembro de 2019

Segundo o relatório de indicadores de hotéis divulgado pela Cotelco, aumentou 2,4% em agosto

 


De acordo com o relatório de indicadores hoteleiros da Cotelco, a ocupação hoteleira na Colômbia aumentou 2,4 pontos percentuais no mês de agosto de 2019. Com esse resultado, no final do mês de referência, o nível de ocupação atingiu 60,22% e O acumulado de janeiro a agosto atinge 55,79%, um ponto percentual a mais do que o registrado neste mesmo período de 2018.
Para Gustavo Adolfo Toro Velásquez, presidente executivo nacional da Cotelco, “o setor de turismo e hotelaria na Colômbia continua a crescer, graças ao aumento do número de turistas internacionais que chegam ao país e à recuperação do turismo doméstico, impulsionado principalmente pelas diferentes festividades. e eventos desenvolvidos em nível regional e para um bom desempenho do segmento corporativo ”.
Regiões
San Andrés permanece no primeiro lugar de ocupação hoteleira com um nível de 78,12% e um crescimento de 0,12 ponto percentual. O arquipélago apresentou um aumento de 8 pontos percentuais na proporção de turistas nacionais que permaneceram no destino, refletindo o impacto do turismo doméstico nesse importante destino.
A Heroic Cartagena de Indias ficou em segundo lugar no ranking de ocupação, com um percentual de 70,22%, mas uma queda de 1,74 pontos percentuais. Por outro lado, em terceiro lugar estava Antioquia, com uma ocupação de 69,18% e uma queda de 1,52 pontos percentuais.
Bogotá D.C conseguiu se posicionar em quarto lugar em termos de ocupação, alcançando 63,15% e um crescimento de 2,94 pontos percentuais. A capital da República continua forte no segmento corporativo, mas também aumenta em 2 pontos percentuais na proporção de estrangeiros que passam a noite na cidade.
Atlántico foi outro destino que apresentou um crescimento muito importante no mês de referência, fechando em 60,96%, o que se traduz em um crescimento de 6,94%, impulsionado pelo segmento corporativo, a mesma tendência observada no Vale do Cauca que fechou 58,16% e aumentou 6,89 pontos percentuais.
Tolima e Alto Magdalena também apresentaram comportamento favorável, graças ao Festival de Ibagué, atingindo 56,25% dos quartos ocupados e um crescimento de 5,36 pontos percentuais. Por sua vez, Barrancabermeja e Norte de Santander continuam a se recuperar e crescer 18,64 e 6,69 pontos percentuais, respectivamente.
Outros destinos com maior ocupação no período foram: Nariño (+7,59 p.p.), Santander (+7,56 p.p.), Casanare (+6,93 p.p.), Risaralda (+1,82 p.p.), Cesar (+1,49 p.p.). Apesar do bom desempenho na consolidação nacional, alguns destinos caem em seu indicador de ocupação: Caldas (-15,89 pp), Huila (-3,88 pp), Meta (-2,31 pp), Quindío (-1,78 pp), Magdalena (- 1,48 pp) e Boyacá (-1,04 pp).
Com relação a outros indicadores de desempenho, o relatório publicado pela Cotelco informa que a taxa real média aumentou 1,3%. Por outro lado, com a maior ocupação alcançada, a receita real dos hotéis aumentou 6,8% no mês de referência, da mesma forma que a lucratividade do setor medida pelo RevPar aumentou 6,4%.

visitas

¿Gostaste da nota? ¡Compartilha-a!

tendências
O que nossos leitores estão a ler neste momento

Você pode continuar lendo ...